Agência de Marketing Digital | Ribeirão Preto | Garden Digital 10 Ideias Incríveis de Marketing de Conteúdo para negócios alimentícios

10 Ideias Incríveis de Marketing de Conteúdo para negócios alimentícios



A internet tornou-se um dos melhores e mais democráticos meios de divulgação corporativa, disso ninguém ousa duvidar, mas há que se reconhecer que tornou-se, também, uma verdadeira faca de dois gumes. Se por um lado abre um espaço ilimitado para todos os tipos de negócios, por outro aumentou de tal forma a concorrência que é muito difícil conseguir destaque no mercado. Por isso o conteúdo para pequena empresa é tão importante: a briga pela atenção do consumidor, não apenas deve ser constante, mas também cada vez mais inteligente.

É justamente aí que entra o marketing de conteúdo para pequena empresa, que, quando bem feito, cria uma identidade com o consumidor gerando fidelidade e fortalecendo a marca. Mas que ninguém se engane achando que produzir conteúdo relevante, atualizado, original e atrativo é tarefa fácil. Imagine que você, só para começar, participe de apenas três mídias – blog, Facebook e Instagram, por exemplo – com três posts semanais em cada uma delas: já serão 36 conteúdos em apenas um mês. Por isso, separamos 10 dicas incríveis de marketing de conteúdo para você que tem negócios alimentícios.

1. Escolha um assunto do momento

Você vê novela, está sempre antenado com o que está acontecendo? Deveria. Escolha um assunto do momento relacionado à alimentação (sempre tem). Qual a receita que mais está rolando entre seus amigos do Facebook, qual foi o prato que prepararam na novela das 8, qual a iguaria da moda nos bares mais badalados ou entre os grandes chefs europeus? Procure relacionar com o seu produto, como o melhor doce para acompanhar o café, snacks zero cal para o lanchinho da tarde, quais os seus produtos que melhor harmonizam com quais vinhos ou uma ideia para um jantar entre amigos, por exemplo.

2. Faça uma pergunta

Há muitos anos a “Galeria Silvestre” já sabia que a pergunta era um ótimo marketing de conteúdo. Quem é da época dos tradicionalíssimos anúncios na Rádio Relógio vai lembrar logo no “Você sabia que...”, o avô do marketing de conteúdo. Pois é, e funciona até hoje. Escolha um de seus produtos e pergunte, por exemplo, se já escolheu qual o sabor de hoje ou se já sabe o que vai almoçar. A Starbucks, por exemplo, é uma grande adepta da perguntinha básica.

3. Faça recomendações

Uma boa ideia de marketing de conteúdo para pequena empresa é criar identidade com o público alvo através de recomendações sobre assuntos relacionados. Sim, porque você não precisa falar só sobre o próprio umbigo, você pode – e deve – recomendar artigos, posts e até mesmo imagens que podem ser úteis para o seu cliente. Por isso é essencial conhecer bem para quem você está escre-vendo.

4. Responda aos comentários

Conteúdos muito interessantes e relevantes para seu público podem nascer dos comentários, ou seja, da própria dúvida ou sugestão do cliente. Use os comentários para criar atualizações e até posts inteiros, totalmente inspirados nos comentários. Mostra que você dá atenção à opinião do usuário e reforça a marca através da interatividade. Afinal, quem não gosta de ver sua dúvida ou sugestão respondida?

5. Compartilhe

O ideal é criar conteúdo original, mas vamos ser sinceros, nem sempre é possível. Como o importante é não deixar de prestar informação relevante e atualizada, uma boa saída é compartilhar posts de outros sites, blogs ou redes – sempre dando os devidos créditos, claro. Dessa forma você continuará agregando valor ao seu perfil e também será bem visto pelo site da publicação original. Quem sabe daí não nasce até uma parceria?

6. Ajude a entender melhor seu negócio

Todo empreendedor sabe que às vezes alguns pontos do seu negócio não estão muito claros, mas as pequenas empresas têm a vantagem de, justamente por serem pequenas, identificar melhor essas dificuldades. Pode ser uma receita diferente, um produto que não caiu muito no gosto popular e deve ser trocado, um prazo de entrega ou mudança de cardápio. Use os posts para esclarecer essas dúvidas de forma simpática, informativa e interessante. Conte uma historinha a respeito daquele alimento, ressalte suas propriedades ou descreva sua origem. Não esqueça que as pessoas são curiosas por natureza.

7. Divulgue promoções e concursos

Da mesma forma, todo mundo gosta de participar de algum tipo de campanha: seja para cupons de desconto, sorteio de um kit, por exemplo, concursos culturais ou dias de promoção. Crie uma campanha bem alinhada com seu público alvo e faça um marketing de conteúdo bem bacana sobre ela.

8. Não deixe passar as datas comemorativas

Elas são ótimas para o marketing de conteúdo para pequenas empresas, principalmente quando o assunto são os alimentos. Diasdas Mães, dos Namora-dos, das Crianças, Natal, Ano Novo – você, com certeza, tem produtos diferenciados para cada uma delas (se não tem, providencie!). Pode ser um prato especial, uma embalagem customizada, um kit ou uma promoção de horários, quantidade de pedidos com desconto ou o que a sua imaginação mandar. Produza conteúdos sobre a origem da data, histórias reais curiosas ou emocionantes, grandes romances ou filmes sobre o tema e termine com um Call To Action (CTA) para o diferencial que você criou para a data. Nas redes sociais, posts curtinhos dão conta de espalhar a promoção.

9. Imagens, elas são poderosas

Muita atenção nelas, porque marketing de conteúdo sem belas imagens são só meio caminho andado. Escolha imagens poderosas, em alta definição, que sejam impactantes e despertem a gula no primeiro olhar. Tem um produto bacana? Invista em uma sessão de fotos com um bom profissional e guarde como arquivo. Produziu um belo buffet ou evento? Não esqueça de fazer um book, ele pode ser muito mais útil do que você imagina para o seu marketing de conteúdo.

10. Bastidores, um assunto irresistível

No fundo todo mundo gosta de saber como as coisas funcionam, como são produzidas e como começaram. Então mostre os bastidores da sua empresa, com posts sobre a rotina de produção dos alimentos, desde a escolha dos produtos ou a encomenda de artigos importados até a elaboração do prato, a harmonização de temperos, o surgimento de cada iguaria, como o layout dos pratos ou dos produtos são desenvolvidos, a rotina da cozinha e até se há alguma receita de família – e aí vale a historinha completa, com personagens. Lembra dos comerciais dos biscoitos Bauducco? Basta um pouquinho de lágrimas nos olhos e todo mundo passa a ver seu panetone com outros olhos na prateleira.

E então, pronto para investir no marketing de conteúdo para pequenas empresas e deixar seus clientes com água na boca? Se quiser saber mais a respeito, compartilhe conosco sua dúvida aqui nos comentários e nós responderemos com outro post!


Talvez você possa se interessar por esse

Ebook - Guia definitivo de redes sociais

para restaurantes.

clique aqui

#marketingdeconteúdo #negóciosalimentícios #posts #sites #blog

RECEBA NOSSAS NOVIDADES!

SOBRE

A GARDEN

AS

REDES SOCIAIS

CNPJ: 21.511.052/0001-00

R. Mal. Rondon, 160 | Sala 02 e 04

Jardim Sumare

CEP: 14025-430
Ribeirão Preto, SP

© Copyright 2013 - 2020 | Garden Marketing Digital. Todos os direitos reservados.